terça-feira, 20 de janeiro de 2015

Jovens, cristãos e universitários



"E não sede conformados com este mundo, mas sede transformados pela renovação do vosso entendimento, para que experimenteis qual seja a boa, agradável, e perfeita vontade de Deus." (Romanos 12:2) 

Chega uma época em nossas vidas em que temos que aprender a fazer nossas próprias escolhas e tomar nossas decisões sozinhos. É o período em que você termina o Ensino Médio e tem que decidir a carreira que irá seguir, a faculdade que irá cursar, onde irá trabalhar e mais uma infinidade de coisas. Enquanto você estava na escola, tudo era fácil: os professores cobravam as matérias de você e diziam o que devia e o que não devia fazer. Então você se forma, e de repente tudo muda. E isso é terrível se você não sabe o que irá fazer depois que terminar os estudos. Mas, como já dizia o Chapolin Colorado: PALMA, PALMA, NÃO PRIEMOS CÂNICO! (risos). Para ajudar vocês, resolvi fazer este post, pois eu também, assim como muitos aqui, nem comecei o tão esperado terceirão e já estou super nervosa com essa coisa de último ano, faculdade, mudanças e tudo mais. 

Uma dica para tornar tudo isso menos assustador é:

Descubra qual profissão mais encanta você - Pense bem antes, pesquise, conheça-se. Tire um tempinho para pensar em seus gostos, nas coisas com as quais você mais se identifica, e então, faça uma lista com as profissões que mais tem a ver com seu perfil e escolha o que você irá fazer por amor, não apenas pela grana. É claro que dinheiro é importante, mas de que adianta trabalhar em algo que você não gosta, só por causa do dinheiro, não é verdade?

Eu sempre tive em mente o curso que desejo cursar e já até comentei com vocês minha paixão sobre Jornalismo. Mas recentemente, decidi que irei cursar um outro curso antes do jornalismo, que é o Serviço Social. 

Por que escolhi Serviço social?
O assistente social trabalha com a questão da exclusão social, acompanhando, analisando e propondo ações para melhorar as condições de vida de crianças, adolescentes e adultos. Cria campanhas de alimentação, saúde, educação e recreação e implanta projetos assistenciais. Em penitenciárias e abrigos de menores, propõe ações e desenvolve a capacitação para a reintegração dos marginalizados. Escolhi serviço social porque sinto em meu coração, um amor pelos necessitados. Sinto que meu chamado é ajudar aos outros, e levar a sementinha do amor de Deus por onde for. Por isso escolhi Serviço Social.  

Se você ainda está em dúvida sobre o que fazer, indico que visite o site Guia do Estudante. Lá tem várias dicas sobre vestibular, profissões, matérias, dicas de como estudar e mais um monte de coisa interessante, vale a pena conferir!

Uma outra dica é:

Pesquise bastante - Depois de ter escolhido o que quer cursar, é bom que você pesquise bastante sobre quais universidades oferecem o curso que deseja e se há campo para atuação na área em que você irá trabalhar. Procure vídeos, sites e converse também com pessoas que trabalham na área escolhida. É muito melhor pesquisar antes, do que sofrer depois, por perceber que o curso que escolheu não é realmente o que gosta.

E a última, porém mais importante:

Compartilhe com Deus todas suas decisões - Não deixe Deus de fora dos seus planos! Antes de tudo, você tem que saber qual é a vontade de Deus para a sua vida, afinal, ele nos conhece melhor do que nós mesmos, não é? Portanto assim como diz em Filipenses 4:6-7:

"Não andem ansiosos por coisa alguma, mas em tudo, pela oração e súplicas, e com ação de graças, apresentem seus pedidos a Deus. E a paz de Deus, que excede todo o entendimento, guardará os seus corações e as suas mentes em Cristo Jesus."

Nenhum comentário:

Postar um comentário